Quinta, 02 de Dezembro de 2021
27°

Pancada de chuva

Itupiranga - PA

Política Reação

Judiciário vê reação de Bolsonaro como temor de julgamento no TSE

Para integrantes dos tribunais, nota do presidente sobre Forças Armadas seria tentativa de intimidação

14/06/2020 às 11h24 Atualizada em 14/06/2020 às 12h03
Por: Redação Fonte: ajunews.com.br
Compartilhe:
Presidente Jair Bolsonaro
Presidente Jair Bolsonaro

Integrantes do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) veem no conteúdo da nota divulgada por Jair Bolsonaro (sem partido), nesta sexta-feira (12), preocupação do governo com julgamento da chapa presidencial na corte eleitoral. A informação foi divulgada no jornal Folha de São Paulo, neste sábado (13).

Na nota, Bolsonaro diz que Forças Armadas não cumprem ordens absurdas e não aceitam tomada de poder por julgamento político. Magistrados ouvidos pelo jornal afirmam, reservadamente, tratar-se de mais uma tentativa de intimidação contra o Judiciário.

No entanto, não veem uma ameaça no documento, avalizado por militares e pelo vice-presidente Hamilton Mourão. Acreditam ser parte da retórica construída por Bolsonaro, mas que o governo segue cumprindo as decisões do Judiciário. A corte eleitoral analisa um processo que pode levar à cassação da chapa eleita em 2018.

A ação foi aberta após o jornal revelar, durante o segundo turno das eleições, que correligionários de Bolsonaro dispararam, em massa, centenas de milhões de mensagens, prática vedada pelo TSE. O esquema foi financiado por empresários sem a devida prestação de contas à Justiça Eleitoral, o que pode configurar crime de caixa dois.

Na avaliação na cúpula do Judiciário, o comunicado desta sexta-feira não leva a crise para outro patamar. Segue a aposta do presidente numa estratégia de disparar ameaças para demonstrar força junto a seus simpatizantes.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias