Terça, 19 de Janeiro de 2021 09:52
94 99140 1505
Educação Oportunidade

MEC abre novas vagas em curso online para professor de alfabetização

Curso começa em janeiro e inscrições podem ser feitas pela internet

24/12/2020 13h28 Atualizada há 4 semanas
Por: Redação Fonte: Agência Brasil
© Marcelo Camargo/Agência Brasil
© Marcelo Camargo/Agência Brasil

Nesta quarta-feira (24), 40 mil novas vagas no curso online Alfabetização Baseada na Ciência (ABC) foram abertas pelo Ministério da Educação (MEC) por meio da  Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). Segundo o MEC, a oferta inicial foi dobrada devido à procura. As primeiras 40 mil vagas já  abertas em 8 de dezembro foram preenchidas em 10 dias.

A capacitação é gratuita, destinada a profissionais da educação que atuam na alfabetização de crianças e a estudantes de licenciaturas. Com carga horária de 160 horas, o curso terá início em 11 de janeiro de 2021.

Aulas

As aulas serão realizadas no Ambiente Virtual de Aprendizagem do MEC (Avamec), por meio de vídeos, material de leitura e tarefas de estudo, concebidos de acordo com os princípios da gamificação (uso de mecânicas e dinâmicas de jogos para engajar pessoas).

“O objetivo é melhorar a qualidade da alfabetização das nossas crianças, um compromisso do governo brasileiro. Para isso, é preciso preparar e valorizar os nossos professores”, disse o presidente da Capes, Benedito Aguiar.

Intercâmbio

A produção do curso, que é parte do programa de alfabetização escolar Tempo de Aprender, resulta da cooperação internacional entre a Capes, a Secretaria de Alfabetização (Sealf) do MEC, a Universidade do Porto (UP), o Instituto Politécnico do Porto (IPP) e a Universidade Aberta de Portugal (Uab).

A parceria prevê, além da formação a distância, levar professores alfabetizadores a Portugal, em 2021 e 2022.

As inscrições podem ser feitas pela internet.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias