Quinta, 02 de Dezembro de 2021
26°

Pancada de chuva

Itupiranga - PA

Cidades AÇÃO EM JACUNDÁ

Mais servidores estariam envolvidos em esquema que cobrava para transferir pacientes com Covid-19

Jacundá: Indícios de mais servidores envolvidos em esquema ilícito

10/06/2020 às 11h28
Por: Redação Fonte: correiodecarajas.com.br
Compartilhe:
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O Ministério Público do Pará (MPPA) instaurou procedimento para apurar os crimes praticados por uma assistente social presa acusada de corrupção, falsificação de medicamentos, documentação falsa e posse irregular de arma de fogo em Jacundá, sudeste do estado. O promotor apura a possibilidade de envolvimento de outros agentes públicos nos crimes.

De acordo com o MPPA, a servidora temporária atuava como assistente social no Hospital Municipal de Jacundá. A servidora foi presa em flagrante durante a operação ‘Comerciante do Alheio’ da Polícia Civil, no dia 2 de junho. A suspeita é de que a profissional estaria desviando medicamentos e cobrando por serviços fornecidos gratuitamente pela prefeitura do município. Na casa da suspeita, foram apreendidos medicamentos, prontuários, receitas médicas e uma caixa de munição com 13 cartuchos intactos.

 

Segundo a Polícia Civil, a mulher cobrava valores dos pacientes com suspeita de Covid-19 para realizar a transferência do enfermo para hospitais regionais nos municípios de Marabá e Tucuruí e também para um suposto “acompanhamento especial” do paciente no hospital.

No momento da apreensão da suspeita, ela apresentou a carteira de identificação de outra assistente social, com registro no estado do Maranhão. O MPPA determinou que a prefeitura de Jacundá informe a ficha funcional da acusada, os documentos apresentados na ficha de admissão, além de contrato de trabalho ou portaria de nomeação da servidora. O promotor do caso requisitou ainda a portaria de exoneração da servidora, com todos os contracheques referentes ao período de trabalho no hospital.

A Polícia Civil informou que não foi comprovada a origem dos medicamentos encontrados na residência da assistente e por isso ainda não foi descartada a possibilidade de serem propriedade do município. Caso confirmado que os remédios são do hospital municipal, a servidora pode ser acusada de improbidade administrativa e conduta improba de enriquecimento ilícito.

Ainda segundo o MPPA, a Prefeitura de Jacundá não deu mais informações sobre a rescisão do contrato de trabalho da suspeita. Antes do cumprimento da medida de busca e apreensão, a assistente tinha sido recontratada pelo município. (g1.com)

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Jacundá - PA
Jacundá - PA
Sobre o município Jacundá é um município brasileiro do estado do Pará. Sua população, conforme estimativas do IBGE de 2018, era de 58 457[3] habitantes, o município possui suas principais fontes de renda com a extração madeireira, a pecuária e a agricultura. Sua área territorial é de 2 014,859 km² e esta a uma altitude de 108 metros em relação ao nível do mar. "Arraia" era o nome do local onde hoje encontra-se o município e devido a construção da hidrelétrica de Tucuruí, o município que se localizava onde hoje
Itupiranga - PA Atualizado às 22h15 - Fonte: ClimaTempo
26°
Pancada de chuva

Mín. 23° Máx. 32°

Sex 30°C 23°C
Sáb 31°C 22°C
Dom 31°C 23°C
Seg 32°C 23°C
Ter 31°C 23°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias